menu

02/05/2021 17:44

Time feminino do Cruzeiro faz 3 a 1 no Minas Brasília e conquista a primeira vitória no Brasileiro A1

- Andreia Santos

Foto: Patricy Albuquerque

No Distrito Federal, o time feminino do Cruzeiro encarou na tarde deste domingo o Minas Brasília, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro Feminino Série A1. E o time celeste, em uma grande atuação, garantiu a primeira vitória na competição ao bater o adversário por 3 a 1, no Estádio Defelê. Com o resultado, a Raposa chega aos quatro pontos na tabela de classificação e segue com ânimo renovado para as próximas rodadas.

Mariana Santos balançou a rede aos sete minutos para o Cruzeiro, marcando o seu quarto gol no campeonato. Duda ampliou, em cobrança de pênalti, aos 49 minutos, e fez de novo aos 22 da etapa complementar. Nenê diminuiu para a equipe local, aos 42 do segundo tempo.

O próximo desafio das Cabulosas será em casa, e o grupo terá uma semana para treinar no Sesi Betim e tentar recuperar a parte física, após a rotina intensa dos últimos dias. No próximo domingo, 9 de maio, o Cruzeiro recebe o carioca Botafogo no Sesc Venda Nova, às 17h.

O primeiro tempo

Mariana Santos abriu o placar para o Cruzeiro, aos sete minutos, depois de um passe por elevação de Carol Soares, em jogada que iniciou em velocidade com roubada de bola de Duda. A artilheira Mariana bateu por cobertura pela esquerda, marcando o seu quarto gol no Brasileiro. Cruzeiro 1 x 0.

Depois de marcar, a equipe mineira recuou um pouco. Aos 19 minutos Nenê fez a finta em Duda e chutou de fora da área, com perigo, mas a bola passa por cima do gol. Luisa Farinon, do time adversário, tentou chute de fora da área, aos 25, com a bola saindo do lado direito de Mary Camilo.

Com o time cruzeirense partindo para o ataque, Eskerdinha tentou cruzamento para Lucero, aos 28 minutos, mas a bola foi parar nas mãos da goleira Karen. O Minas Brasília seguiu pressionando, buscando o gol, sem muita efetividade. Em mais uma chance, aos 34, Kati cabeceou firme após receber cruzamento pela direita, mas mandou pra fora.

O Cruzeiro ainda tentou algumas finalizações. E na reta final Duda sofreu um pênalti, ao tentar um chute direto para o gol e a zagueira do Minas Brasília interceptar a trajetória, com a bola batendo em seu braço. Duda cobrou bem, colocado, no meio do gol, e marcou o segundo para as cruzeirenses, aos 49 minutos. Cruzeiro 2 x 0.

A segunda etapa

O dono da casa voltou com mais posse de bola, buscando o ataque. A primeira grande oportunidade para o Cruzeiro aconteceu aos nove minutos, com Mariana Santos chegando na cara do gol. Atenta, a goleira Karen tocou na bola, Rebeca ainda tentou o rebote, mas a defesa tirou.

Mary Camilo se esticou toda para defender, no alto do gol, aos 14 minutos, cedendo o escanteio para o Minas Brasília. No minuto seguinte a arqueira celeste teve mais duas grandes atuações, tirando a bola duas vezes após bate rebate na área.

As mineiras seguiram cadenciando o jogo, e buscando manter a bola no campo ofensivo. Vanessinha partiu em velocidade, driblou as marcadoras, tirou da goleira e tocou para Duda, que só empurrou para rede, aos 22 minutos. Cruzeiro 3 x 0.

A atacante Nenê diminuiu para o time da casa, em um chute rasteiro após um bate rebate na área, aos 42 minutos. Minas Brasília 1 x 3. Nenê ainda tentou mais um chute de fora da área, aos 46, mas Mary Camilo segurou com tranquilidade.

 

Minas Brasília 1 x 3 Cruzeiro

Motivo: 5ª rodada do Campeonato Brasileiro Feminino Série A1

Data: 02/05/21

Local: Estádio das Alterosas – Belo Horizonte-MG

Árbitro: Rafael Martins Diniz - DF

Cruzeiro: Mary Camilo, Thamirys, Capelinha, Rebeca, Eskerdinha (Marília), Mayara Vaz, Carol (Shimo), Vanessinha, Lucero, Duda e Mariana Santos. Técnico: Marcelo Frigerio

Minas Brasília: Karen, Lay (Arcanjo), Kaká, Dih, Jéh, Karla, Bruna Pelé (Manu), Nenê, Kati, Isa (Monse) e Luisa Farinon (Robinha). Técnico: Carlos Bona

Gols: Mariana Santos, aos 7 minutos do 1º tempo; Duda, 49 minutos do 1º tempo; Duda, aos 22 minutos do 2º tempo; Nenê, aos 46 minutos do 2º tempo.

Cartões amarelos: Mariana Santos e Eskerdinha (Cruzeiro); Dih, Kaká e Jéssica (Minas Brasília)