menu

09/08/2019 14:26

De olho nos jogos de sábado, profissionais destacam ascensão e valorização da base

- Gustavo Aleixo

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Valorização. Esta é a palavra em voga na base cruzeirense, após o técnico Ricardo Resende, do Sub-20, ganhar a oportunidade de comandar, interinamente, a equipe profissional diante do Avaí, no próximo domingo, pelo Campeonato Brasileiro.

Diante da ascensão de Resende, outros profissionais cruzeirenses também ganham a chance de provar seu valor. Multicampeão pela categoria Sub-20 em uma das suas passagens anteriores pelo Clube, quando foi campeão brasileiro, o técnico Alexandre Grasseli, por exemplo, volta a comandar os juniores neste sábado, em duelo com o América-TO, às 15h, em Ibirité-MG pelo Campeonato Mineiro.

“É importante esta valorização do Ricardo, que fez um ótimo trabalho no Sub-20. No que se refere a mim, é uma oportunidade muito interessante. Nos dois treinos que realizamos, pude perceber a qualidade do elenco Sub-20, e esta oportunidade de conduzir a equipe diante do América-TO é um privilégio. Mesmo já conhecendo a categoria, me sinto motivado. É uma partida fora de casa e, seguindo o planejamento do Ricardo, vamos usar uma equipe alternativa, pensando no Brasileiro Sub-20. Percebi um time muito motivado, e vamos em busca da vitória”, comentou Grasseli.

“Com minha subida, abre-se uma oportunidade natural para o Estéphano, que vem ao meu lado como auxiliar no Sub-17, realizando um bom trabalho, com muita responsabilidade e dedicação. Agora ele também terá a oportunidade à frente do Sub-17 neste sábado. Enfim, é a valorização de todos os profissionais da base que contribui para a força que o Cruzeiro necessita”, completou.

Grasseli comandará a equipe Sub-20 neste sábado - Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Estéphano estará à frente do Sub-17 - Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Conforme ressaltado por Grasseli, a subida de Ricardo Resende também garantirá a Estéphano Djian a oportunidade de comandar o Sub-17 contra o Inter de São Gotardo, às 16h, fora de casa, neste sábado.

“A ascensão do Ricardo é boa para todos os profissionais da base. Isso mostra que o Cruzeiro tem buscado no seu departamento de base os profissionais que ali estão. Todos aqui ficaram contentes com a chance que o Ricardo vem recebendo. Por mais que possa ser algo temporário, esta oportunidade que eu e o Grasseli recebemos nos deixa felizes, satisfeitos e cada vez mais motivados para fazer o nosso trabalho”, ressaltou Estéphano.

Sub-15 também em campo

Além das equipes Sub-20 e Sub-17, o time Sub-15 cinco estrelas também cumpre compromisso pelo Campeonato Mineiro neste sábado, quando visitará o Inter de São Gotardo, em confronto marcado para as 14h.

Comandada pelo técnico Fábio Brostel, a Raposa Sub-15 faz ótima campanha no Estadual. Invicto na competição, o Cruzeiro lidera com um ponto de vantagem sobre o segundo colocado, sendo que o time celeste soma um jogo a menos na tabela de classificação.

Notícias Relacionadas